Por que existem pessoas que não conseguem emagrecer

Por que existem pessoas que não conseguem emagrecer?

Às vezes, perder peso pode parecer impossível. E aí muitos se perguntam porque existem pessoas que não conseguem emagrecer.

Por exemplo, você pode estar observando suas calorias e carboidratos, comendo proteína suficiente, exercitando-se regularmente e fazendo todas as outras coisas conhecidas por ajudar na perda de peso, mas a balança não se move.

Na verdade, esse problema é bastante comum e pode ser extremamente frustrante. Para saber as respostas e, porque existem algumas pessoas que não conseguem emagrecer, confira o texto que preparei abaixo!

Você tem uma atitude de curto prazo

Se você abordar a perda de peso com uma atitude de curto prazo, pode não conseguir cumprir seus objetivos. Ou se cumprir, é provável que volte a recuperar os quilos perdidos. 

Sem uma abordagem de longo prazo para perda de peso, você pode perder 4, 5 quilos ou mais em duas semanas e então sofrer uma recuperação quando descobrir que o regime não está funcionando para você. 

Isso é muito comum quando as pessoas embarcam em dietas rígidas, ou aquelas da moda que prometem perda rápida de peso. Na realidade, para a maioria das pessoas, uma dieta bem balanceada que inclua todos os grupos de alimentos e até mesmo algumas guloseimas funciona melhor a longo prazo. 

Parte da perda de peso sustentável e bem-sucedida — ou seja, perder peso e mantê-lo para sempre — é entender que dietas da moda, exercícios excessivos e “desintoxicações” geralmente não funcionam. 

Eles duram apenas enquanto durar sua força de vontade, e estou disposto a apostar que não passa de duas semanas a alguns meses. 

Leia também::: Quais os alimentos que causam inflamação no corpo?

Não há milagre

Não existem soluções rápidas, curas milagrosas ou pílulas mágicas quando se trata de perda de peso: perder peso requer dedicação a um plano que apoia hábitos saudáveis ​​de longo prazo. 

A recomendação geral para perda de peso é uma taxa de um a dois quilos por semana, embora a perda de peso inicial possa superar isso para pessoas que estão muito acima do peso, e então desacelerar para o sugerido de um a dois quilos por semana. 

Apostar no tudo ou nada

Muitas pessoas que lutam com uma atitude de curto prazo também lutam com uma mentalidade de tudo ou nada. Cortam todos os alimentos considerados ruins e adicionam apenas aquilo listado como bom. 

O problema é que com o tempo se torna difícil manter essa dieta e há grandes chances de haver uma recaída e voltar a consumir grandes quantidades de fast food, e outras comidas processadas.

O mesmo se aplica aos exercícios. Querer já de cara começar correndo uma maratona poderá fazer você desistir mais rapidamente. O segredo é realizar atividades mais curtas — e num ritmo mais forte — de forma consistente todos os dias.

Cuidado com o sono e o estresse

Perder peso será muito mais difícil se você estiver cronicamente estressado, com falta de sono ou sobrecarregado. 

Este cenário pode parecer familiar para você: 

  • Você acorda motivado e pronto para aproveitar o dia. Tem planos para um intervalo pós-trabalho e seu jantar saudável e preparado está esperando por você na geladeira.
  • Algumas horas no dia, sua falta de sono o atinge. Você pega o café da tarde. 
  • Quando o trabalho termina, você está exausto demais para correr. Você decide pular. 
  • No outro dia está cansado e talvez um pouco estressado ou mal-humorado, então rejeita o jantar saudável e vai a uma lanchonete em busca de uma comida reconfortante.

Sem problemas se isso ocorrer algumas vezes, mas a perda de peso parecerá impossível se isso acontecer o tempo todo. 

A verdade é que nutrição e exercícios são apenas dois componentes de uma vida saudável que podem levar à perda de peso. Embora seja importante, um foco muito forte na nutrição e nos exercícios pode fazer com que você ignore outros fatores que são igualmente importantes: o sono e o controle do estresse. 

Leia também::: Como eliminar a flacidez após a Cirurgia Bariátrica?

Mude sua mentalidade

Outro ponto importante é que antes de emagrecer, é preciso educar sua mente. O processo de perda de peso e ganho de saúde não tem início quando o ponteiro da balança se move para baixo. Nem quando você escolhe salada e recusa fritura, ou quando calça um tênis e decide correr.

Se a sua mente não estiver preparada, no dia seguinte, você volta para o prato de frituras e deixa de correr, recuperando o peso rapidamente. Isso explica também o porquê de tantas pessoas voltarem a engordar após se submeter a um procedimento cirúrgico, estético ou até mesmo realizarem dietas restritivas.

Por isso, é importante condicionar sua mente a querer perder peso também. Afinal, o emagrecimento é 80% emocional e 20% cognitivo. É preciso adequar os seus comportamentos conforme o seu novo corpo pede. A mudança das suas curvas exigem uma nova versão da sua pessoa como um todo.

Portanto, se você quer saber porque as pessoas não conseguem emagrecer, acompanhe também meu canal no Youtube onde falo bastante sobre a mudança de mentalidade necessária!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.